domingo, 24 de julho de 2011

Limar Unhas e tratar delas

Estava aqui a limar as minhas unhas (lol) e pensei escrever sobre como limar as unhas e tratar delas.
Bem que eu preferia ir de 15 em 15 dias a manicure...mas nos tempos de hoje não me é possível. Porque bem que me facilitava a vida e o meu jeito para as limar e pintar...bom enfim...vai que não vai...hehe!! :)

E encontrei este texto que nos pode ser bem útil.






Limar a Unha Natural

Muito Importante: "Antes de começar a limar, as unhas devem estar sempre bem limpas e livres de qualquer verniz. Além disso, antes de começar a limar deve ter o cuidado de secar o melhor possível as unhas. 

O Comprimento Ideal
 

Manter o comprimento adequado de uma unha é o mesmo que mantê-la saudável. Considera-se o comprimento ideal quando o bordo livre da unha tiver crescido um terço do comprimento total da base da unha. Ao ponto de ligação entre o bordo livre (parte rosada da unha – 1). e a base da unha chamamos o “ponto de stress” Naturalmente que manter um comprimento maior em relação ao que é aconselhado, poderá levar a que as unhas se partam mais frequentemente. Por isso, cada vez mais técnicos especializados recomendam unhas com comprimentos mais reduzidos. Em relação ao formato das unhas, a grande maioria dos(as) Técnicos(as) de unhas recomendará unhas quadradas ou ovalizadas, uma vez que são os formatos que mais evitam que as unhas se partam. Limar uma unha para que fique mais pontiaguda pode provocar um enfraquecimento significativo da unha e, consequentemente, a sua quebra (2).
Limar a Unha Natural
Com a lima adequada, faça algumas limagens suaves do canto para o centro da unha, sempre na mesma direcção (3). Não lime a unha natural nas mais variadas direcções ou de um lado para o outro. Precisará apenas de algumas limagens para dar à unha o formato necessário e ideal. Tenha especial atenção às pontas das unhas, não as lime com muita força, apenas e sempre suavemente.

Ângulo Correcto da Lima
Deve sempre segurar a lima de modo a fazer um ângulo de 45 graus em relação à ponta da unha, quase a tocar a ponta do dedo (3). Ao contrário da técnica convencionalmente utilizada, não deve segurar a lima perpendicularmente ou, ainda pior, a fazer o ângulo com o topo da unha, uma vez que estará a reduzir significativamente a superfície protectora da unha. Esta parte da unha é, sem dúvida, a mais forte e resistente da unha, ajudando a protegê-la e evitando que se vá lascando em todas as suas camadas.

A Limagem nas Manutenções

O Fomato Quadrado da Unha
Uma unha quadrada é uma unha com as partes laterais direitas, duas pontas mais afiadas de ambos os lados e com uma curvatura bastante equilibrada (4). Este é o formato tradicionalmente utilizado na manicura francesa. É igualmente muito utilizado em trabalhos de nail art e decoração de unhas. É também o formato mais comum e universal para a maioria dos formatos de unha natural.

Como Limar a Unha Quadrada
Lime primeiro o bordo livre e as partes laterais da unha. As partes laterais devem ser limadas com a lima direita e inclinada para cima. Depois vire a mão da cliente na sua direcção para poder endireitar o bordo livre. Nesta fase, a sua lima deverá estar perpendicular à unha de modo a que consiga um formato quadrado perfeito (5). Lime a parte lateral, depois mude de ângulo para poder homogeneizar e harmonizar o bordo livre. Repita o procedimento para a outra parte lateral. Logo que termine com as partes laterais, use os ângulos para, delicadamente, obliquar a unha e acentuar um pouco mais os cantos. Para confirmar que o comprimento de cada unha está igual entre si, vire as costas da mão da sua cliente na sua direcção e corrija o que considerar necessário.

Formato Semi-Oval
Trata-se de um formato bastante comum, forte e popular. É praticamente o mesmo formato de umas unhas quadradas, apenas com a diferença de que as pontas e cantos estão mais ovalizados. Este formato faz com que as mãos pareçam um pouco mais finas.

Como Limar o Formato Semi-Oval
Comece pelo formato quadrado. Dê primeiro a forma quadrada e certifique-se de que as partes laterais estão direitas. Depois, com a lima colocada por baixo dos cantos, lime para a frente e para trás eliminando, gradualmente, os tais cantos. Seguindo este procedimento, não corre o risco de limar demasiado outras áreas da unha, tais como as partes laterais junto à área de “stress” (6). Os formatos ovalizados poderão fazer-se de várias formas, conforme ilustram as imagens(6) (7).

O Formato Oval/Redondo
Este é o formato mais conservador de todos os tempos. Nestes casos, a base da unha será preponderante para lhe darmos este formato. Se a cliente tiver uma cutícula mais arredondada, este formato será o ideal (8).

Como Limar o Formato Oval/Redondo
Lime sempre as partes laterais em linha recta, depois arredonde as pontas de modo a obter uma curva perfeita. Tenha especial cuidado para não limar em demasia as partes laterais da unha. Imagine que está a fazer um quadrado, basta que depois arredonde os cantos em ângulos moderados para obter o formato final. (9)

O Formato Pontiagudo/Stiletto
Este formato, também conhecido como Stiletto, é muito usado na Europa de Leste e Rússia. O formato pontiagudo é, sem dúvida, o mais aventureiro. Desde que bem feito, dá às mãos um aspecto muito mais elegante e pequeno. E com bases também mais pontiagudas consegue-se criar uma subtil impressão de comprimento. Sempre que existir este comprimento, as unhas com bases mais estreitas e finas farão realçar ainda mais o formato pontiagudo (10).

Como Limar o Formato Pontiagudo/Stiletto
A técnica do “I” é muito comum e usada para limar este formato de unha. Baseia-se: na letra “I”, na qual a parte central da forma da letra representa o arco superior que forma uma linha ao longo de toda a base da unha. A base e o topo do “I” começam na cutícula, nivelados com a unha natural. O extremo mais pontiagudo do “I” termina na ponta da unha, de modo a garantir que a curvatura C da unha está perfeita. Para finalizar, a unha a ponta do “I” precisa de ser removida e limada até encontrar um ponto harmonioso no centro do apex. Depois, assim que o “I” estiver finalmente pronto, bastará apenas aplicar a arte de dar à unha os toques finais de harmonia e perfeição."

Fonte:




O melhor tratamento para as suas unhas:
1. Cada vez que realizar actividades domésticas, tais como lavar pratos ou limpar vidros, deve sempre proteger as suas mãos com luvas, que de outra forma ficam sujeitas à humidade ou a produtos químicos agressivos, os quais enfraquecem e tornam frágeis as suas unhas.
2. Depois de contacto com a água, pode também utilizar um creme hidratante para mãos e unhas. (Nívea, Avon ,Oriflame, e etc.)
3. Não corte as cutículas dos dedos, é preferível tentar suaviza-las ou amacia-las. (existem produtos específicos para tal.)
4. Recomenda-se usar sempre uma base protectora antes da aplicação do verniz. Esta base vai fortalecer as unhas, e dar mais brilho ao produto. Assim como prolongar a sua duração.
5. Quando lava as mãos deve utilizar água fria ao invés de quente. Corte também as unhas depois do banho, uma vez que estas estão mais macias. Para limpar as unhas por baixo utilize uma escova macia com bicarbonato de sódio.
6. Óleo de amêndoa e de azeitona são muito bons para as unhas, deve aplicar-lhes algumas gotas de qualquer um destes óleos, de tempos em tempos, para mantê-las húmidas. (também existem produtos específicos para este efeito)
7. Deve limar de maneira a dar a forma mais adequada para cada tipo de unha. É aconselhável para suavizar a borda livre ao finalizar, limar de cima para baixo e de baixo para cima, para evitar que as unhas se "descamem".
8. Antes de aplicar o verniz é recomendado utilizar algum fortificador para as unhas em primeiro lugar, isto irá ajudar a que estas se mantenham fortes. (Casca de Cavalo)
9. No momento de remover o verniz que coloca, deve assegurar-se que o produto que utiliza para o efeito não contém acetona, uma vez que esta não é boa para as unhas. (Embora seja muito difícil encontrar produtos que não contenham acetona e sejam mais difícil de remover o verniz.)
E voilá agora é ter as mãos lindas e bem apresentadas.
Eu já fui uma roedora de unhas…e na altura não pintava as unhas como é óbvio! É para ajudar resolvi aplicar unhas de gel por 3/4 meses…e pronto! Não voltei a roer as unhas…já tinha experimentado N coisas para não roer…mas mesmo sabendo mal…depois habituava-me e começava a roer. E com unhas de gel grandes e pintadas a mão ficava tão linda que era um desperdício roer! J No inicio com as unhas de gel grande até abotoar o botão das Jeans era um filme! J

Wook